Melhor momento para mudar de carreira

Melhor momento para mudar de carreira

Entrevista dada ao Bom dia Minas da Rede Globo

Falando em trabalho, mudar de carreira, você já pensou neste assunto? É uma questão que atormenta muitos profissionais por vários motivos: insatisfação, falta de oportunidades. Só que é preciso pensar bem antes de tomar qualquer decisão.

Repórter: Qual é o momento de repensar a carreira, aliás, em que momento as pessoas pensam em mudar de carreira normalmente? Existe uma fase da vida mais comum pra isto?

Milta Rocha: Existem duas fases mais comuns, primeiro no início da carreira, quando as dificuldades começam a aparecer muita gente tenta mudar. E o nosso trabalho é conversar com estas pessoas, fazer com que ela reflita sobre a carreira, sobre os investimentos que ela já fez nesta carreira, pois é possível que não tenha dado tempo ainda de dar resultado.

Neste caso o nosso conselho é que a pessoa se prepare um pouco mais, que o profissional se qualifique, tenha alguma prática na área. Este é um momento muito comum de tentativa de mudança, que nem sempre acontece. Às vezes a pessoa se identifica melhor com aquela área e consegue se ajustar.

Tem um momento que isto acontece com muita frequência, que é entre 35 e 45 anos de idade. Por quê? Porque a esta altura o profissional já teve tempo de fazer todo o investimento que ele podia e pode fazer uma avaliação melhor. Então se ele não está feliz, o importante mesmo é ser feliz.

O profissional infeliz, não motivado, não encontra sentido naquilo que ele faz. Não produz bem e a empresa vai ser prejudicada, inclusive, com isto. O importante é que ele perceba se ele está realmente feliz. Se está se sentindo realizado para continuar este investimento ou não. Porque existem duas formas de fazer uma escolha, uma forma de optar pela carreira. Uma opção possível, viável, e uma opção ideal e desejável.

No início da nossa carreira, muitas vezes gente opta por uma escolha possível, e neste momento, a esta altura, muitas vezes agente já se permite, já pode fazer um outro tipo de escolha. Já se organizou financeiramente. Você muitas vezes se permite, fazer um outro tipo de investida.

Bate Papo Milta Rocha com Liana Brito

Repórter: o que é realmente o motivo para mudar de carreira? Ou o que podemos considerar um não motivo.

Milta Rocha: Um motivo só: o insucesso. Você está investindo em uma área, e não está consegue obter sucesso. Você se qualificou, você tem se inserido nesta área e não consegue obter sucesso, e por que não conseguiu obter sucesso?

É não conseguir trabalhar naquela área, e não conseguir boas oportunidades, e, não estar feliz com aquilo que você está realizando. Aí é o momento de avaliar o que é que está acontecendo!

Não motivo são crises. Em um momento de crise nem sempre é o momento de mudar de carreira, no sentido de mudar de área. Você pode mudar sua postura, você pode mudar o tipo de emprego. Posso sair de uma grande empresa que está em crise e começar a pensar em trabalhar em empresas pequenas.

Repórter: não é preciso mudar de carreira por causa disto? Isto tem que ser muito bem pensando não é mesmo?

Milta Rocha: Não. Quando falamos de transição de carreira, existem várias maneiras. Ou eu mudo completamente de área, eu saio da medicina e vou para a educação ou vou para a engenharia. Esta análise deve ser feita com muita calma pois o arrependimento pode ser complicado nestes casos.

Repórter: dinheiro é o motivo para mudar de carreira? Tem muita gente que acha que ganha pouco, mas tem muita gente que gostaria de fazer outras coisas. Que acham que não vão ganhar tão bem quanto.

Milta Rocha: Pode ser motivo sim, muitas áreas pagam melhor. Pra algumas áreas dependendo do tipo de atividade que você exerce, o tipo de cargo, você bate no teto mais rapidamente. Se é um profissional mais ambicioso, ele deve sim mudar. É claro que o dinheiro não é o mais importante, mas ser bem remunerado significa ser também bem sucedido na área em que você escolheu atuar.

Repórter: que pontos agente deve observar antes de tomar esta decisão? O que eu devo fazer antes de mudar de carreira?

Milta Rocha: Primeira coisa é isto: você já investiu de fato? O sucesso não vem da noite para o dia, não vem de graça. Um dos maiores erros é ter pressa, não se pode ter pressa neste momento. Você precisa se planejar, se organizar para fazer esta transição. É importante que observe todo o investimento, esta área está demandando profissionais?

Pode ser que seja uma área que não esteja demandando, e, talvez, precise fazer algum tipo de mudança sem necessariamente abandonar tudo o que eu tenho. Quando agente faz uma transição, agente não abandona, não joga fora, a formação e as experiências anteriores que agente tem.

CTA_fale com um consultor

E cada dia mais os processos de seleção estão querendo conhecer quem é esta pessoa mais inclusive do que ela sabe fazer.

🚀Nosso PROGRAMA DE COACHING DE CARREIRA MRC® focado em jovens e adultos é tido como a evolução do teste vocacional tradicional.

👉Trabalhamos com estudo de mercado

👉Trabalhamos com estudo das profissões

👉Trabalhamos várias áreas da vida ao mesmo tempo.

👉Somos capazes de refazer crenças e limitações emocionais.

 

Entre em contato clicando aqui → https://goo.gl/CBdejR

Acessando o site → http://www.miltarocha.com.br/contato

Ou pelo Whatsapp → 31 99905-9793

 

YOUTUBE Milta Rocha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *